Seguidores

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

BAITA SANDUBA


 

Ralph J. Hofmann

De algum tempo para cá alguns de nossos shopping centers estão equipados com lojas de sanduíches do tipo “submarino”.

Basicamente são sanduíches em que o cliente vai passando por uma série de bandejas de produtos como presuntos, queijos, salames, molhos diversos, tipos diferentes de fiambres e instruindo o atendente para colocá-los entre duas fatias de pão ou um pãozinho que pode variar de comprimento. São também conhecidos por sanduíche a metro.

Para mim estes sanduíches todos devem sua origem ao cartunista Chic Young, que criou o personagem Dagwood Bumstead e sua esposa Blondie em 1933. Dagwood, filho de aristocráticos industrialistas foi deserdado por ter casado com Blondie, uma ex-corista de teatro. Agora trabalha como administrador em uma empresa e o casal vive uma vida de classe média. Dagwood adora Blondie, seus filhos, seu cachorro, dormir no sofá e ... comer.

Após dormir das 21 hs. às 22hs no sofá ele costuma ir à cozinha para ver o que há na geladeira. Reúne frios, queijos, restos de comida, tomates, azeitonas, cerejas, pepinos em conserva e constrói verdadeiros monumentos entre duas fatias de pão.

Em suma, Dagwood deveria ser um ídolo para todo o amante de sanduíches e para toda dona de casa cujo marido assim se encarrega de evitar que restos de comida estraguem na geladeira.

Assim é tratado pelos leitores de sua tira de cartuns que segue popular, oitenta anos após sua criação (hoje desenhada e produzida por Dean Young, filho de Chic Young).

Sentiu um buraco no estômago tarde da noite? Nada de envelope de sopa. Faça um Dagwood.

Mas alerta! Em Porto Alegre na década de sessenta/setenta costumávamos parar tarde da noite, saindo da aula, do cinema ou do teatro, num trailer que fazia um cachorro quente de lingüiça que continha quase tudo que se possa imaginar. O nome do lugar (que ainda existe mas é uma sombra do original) era Zé do Passaporte. O sanduíche se chamava “Passaporte pro Inferno”. Por que “Passaporte pro Inferno”? Já imaginou o tipo de pesadelo depois de ingerir 1500 calorias de comida gordurosa uma hora antes de ir dormir?

Blondie – Baita Sanduíche querido.

Dagwood – É lindo demais para comer

Dagwood – A beleza está no olho do observador

Blondie – Onde está teu sanduíche

Dagwood – Agora a beleza está no estômago do Observador





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe squi seu recado.
Agradecemos sua visita.
esperamos ter ajudado
Envie o seu trabalho para postarmos no blog
Obrigada pela visita